| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

DIÓGENES
Desde: 15/07/2005      Publicadas: 642      Atualização: 17/09/2014

Capa |  CULTURA  |  HISTÓRIA  |  OPINIÃO  |  TOQUES


 OPINIÃO
  08/05/2013
  0 comentário(s)


CRISE? QUE CRISE? BOMBARDEIEM A SÍRIA! - Pepe Escobar (de Paris), Asia Times Online
Em seguida, veio o chamado "pacote de dois", adotado semana passada pelo Parlamento Europeu: duas regras, segundo as quais os estados devem submeter suas previsões de orçamento à CE, antes mesmo de submetê-las aos Parlamentos nacionais. Resumo da ópera: as "democracias" européias não têm qualquer poder (poder-zero) para decidir sobre as políticas cerebradas em Bruxelas. Quem governa é aquela troika sinistra: o Conselho Europeu, o Eurogrupo e a Comissão Europeia. Para nem falar do Banco Central Europeu, cosmicamente opaco, transparência zero.
CRISE? QUE CRISE? BOMBARDEIEM A SÍRIA! - Pepe Escobar (de Paris), Asia Times OnlineOs chefes de Estado e de governo da União Europeia (UE) estão reunidos em Bruxelas para seu show de moda primavera-verão, desculpem, quero dizer: reunião político-econômica de cúpula. Nada de brilhos Gucci/Prada por aqui; em vez disso, sufocantes, abafadas, quatro paredes sartreanas. Nenhum cidadão (incômodos, barulhentos cidadãos) podem entrar; só aqueles Mestres do Universo (europeu). E, isso, depois de três anos de crise horrenda a afetar a eurozona.

Bem-vindos ao modo como a "democracia" realmente funciona na Europa; todas as principais decisões em economia política, orçamento e finanças, que diretamente afetam mais de 500 milhões de pessoas de pessoas (milhões das quais desempregadas), arrastadas para dentro daquele âmago aconchegante do coração das trevas.

O ex-primeiro ministro belga Guy Verhofstadt, agora líder do grupo liberal no Parlamento Europeu, teve, pelo menos, a decência de observar que "Nem o Parlamento Europeu nem o Parlamento nacional têm sequer uma palavra a declarar nas decisões do Conselho Europeu e da Comissão Europeia."

Ah, sim! Comparado ao beemote[1] da União Europeia, o castelo de Kafka é negócio de jardim de infância. Assim sendo, é preciso dar uma olhadela na lista de personagens.

O Conselho de Ministros - também conhecido como Conselho Europeu - é composto de chefes de Estado e de governo e reúne-se pelo menos duas vezes por ano para debater as prioridades políticas da UE. Atualmente é presidido por uma não entidade espetacular de nome Herman Van Rompuy. O conselho é constituído de ministros dos Estados-membros; cabe-lhes adotar leis.

A Comissão Europeia (CE) é composta de 27 comissários (ah, sim, sombra da boa velha URSS). São o poder executivo europeu - eleitos pelo Parlamento Europeu.

O Parlamento Europeu é eleito a cada cinco anos por cidadãos europeus (a maioria dos quais nem se dá o trabalho de ir votar). Como o Conselho de Ministros, também tem poder legislativo.

E há ainda o Banco Central Europeu (BCE), que (des)administra o euro.

Bem-vindos à "autocracia pós-democrática"

Assim, pois, esses Mestres (Europeus) do Universo tiveram três anos para apagar o incêndio na eurozona. O balanço, até aqui: sete países da eurozona estão em recessão profunda; e nove estão estagnados.

Naquele show de moda, digo, aquela reunião de cúpula, há muita conversa sobre "mix político"; é o jargão europeu para estimular demanda em países que conseguem sair-se um pouco melhor que os outros. Ouve-se também muita conversa sobre "pacote de dois" e "pacote de seis" [orig. "two-pack" and "six-pack"]. Não, não, não se trata de embalagem de latinhas de cerveja. Nem de algum frenesi de malhação. Está mais para uma variação de Monopólio (o jogo).

Tudo começou com a Alemanha, intervindo para "salvar" - tipo salvação - os países PIGS (Portugal, Irlanda, Grécia, Espanha [Spain]), ainda no tempo em que a França era governada pelo Rei Sarkô 1º (o ex-presidente Nicolas Sarkozy); decidiram então que um bando de tecnocratas, como na Comissão Europeia e no chamado Eurogrupo (ministros das finanças da eurozona) ficaria encarregado das políticas econômica e orçamental desses países.

Primeiro, foi o "pacote de seis": países que tinha de subscrever um plano sinistro conhecido como Tratado para Estabilidade, Coordenação e Governança (tipo "não se metam a fazer gracinhas por conta própria, sem avisar o resto da turma").

Em seguida, veio o chamado "pacote de dois", adotado semana passada pelo Parlamento Europeu: duas regras, segundo as quais os estados devem submeter suas previsões de orçamento à CE, antes mesmo de submetê-las aos Parlamentos nacionais. Resumo da ópera: as "democracias" européias não têm qualquer poder (poder-zero) para decidir sobre as políticas cerebradas em Bruxelas. Quem governa é aquela troika sinistra: o Conselho Europeu, o Eurogrupo e a Comissão Europeia. Para nem falar do Banco Central Europeu, cosmicamente opaco, transparência zero.

E essa gente tem a desfaçatez de criticar o Congresso Nacional do Povo, na China.

Mas para os iniciados, tudo está lindo e ótimo. Olli Rehn, Comissário Europeu de Assuntos Econômicos, disse, sem corar, que "se o pacote de seis e o pacote de dois estivessem já implantados quando o euro foi lançado, jamais teríamos chegado a tal crise." Então, por que aqueles tecnocratas em Bruxelas, com gordo salário vitalício, não pensaram nisso (que fosse) antes?!

No campo oposto, Daniel Cohn-Bendit, o ex-heroico "Dany, o Vermelho" e atual co-presidente dos Verdes no Parlamento Europeu, definiu o golpe como "austeridade tecnocrática". Melhor ainda: o grande filósofo alemão e federalista europeu certificado Jurgen Habermas chamou a coisa de "autocracia pós-democrática".

De Paris à Escandinávia ouvem-se choro de angústia e ranger de dentes, por a Europa ter despencado num buraco negro. Basta andar pelas ruas - e vê-se de que lado sopra o vento: populismo (como nas recentes eleições italianas) e fascismo (na Dinamarca, por exemplo, pesquisa recente mostra que o Partido DF, de extrema direita, anti-imigração e anti-UE, já é mais popular que a coalizão de centro-esquerda atualmente no poder. Notícias terríveis para a atual primeira-ministra Helle Thorning-Schmidt).

Ante esse Armagedon, o melhor que a UE infestada de tecnocratas consegue oferecer é que temos de "reintroduzir o povo" na "máquina". Não introduzirão coisa alguma em lugar algum: a máquina parou de funcionar.

Convoque as Kalashnikovs de sempre

Como sempre acontece, também na União Europeia, se as coisas podem ficar mais patéticas, elas ficarão. Sem mais nem menos, em pleno show de moda primavera-verão, desculpe, reunião do Conselho Europeu, lá aparecem, de repente, o primeiro-ministro britânico David Cameron e o presidente francês François Hollande.

Mas... E por que esse remix de Napoleão/Duque de Wellington? Para nada menos que comandar uma ofensiva anglo-francesa para torpedear o embargo europeu de armas e conseguirem, afinal, armar até os dentes dos 'rebeldes' sírios.

Alguns representantes de estados-membros caíram, de fato, da cadeira. Foi preciso que a Fraulein de Ferro e chanceler alemã Angela Merkel interviesse com duro "Nein" ("o fato de aqueles dois terem mudado de ideia não significa que os demais 25 tenham de acompanhá-los").

Para que se avalie o quanto a União Europeia é "democrática", Catherine Ashton - a astronomicamente medíocre comissária da União Europeia para assuntos de segurança e política exterior - só tomou conhecimento pelos jornais, da confusão que David e François das Arábias muito gostariam de ter criado.

Quando afinal soube e recuperou o sangue frio, disse àqueles estadistas lá reunidos que o único resultado daquele movimento seria uma corrida armamentista na Síria. E que o Irã - e quem mais poderia ser?! - venceria. Mas uma vez, Ashton recebeu inteligência errada: o Qatar e a Arábia Saudita já estão vencendo aquela corrida armamentista.

A verdade é que nem Cameron - fiel ao próprio personagem - sabe do que está falando: "Não estou dizendo que a Grã-Bretanha deva fornecer armas a grupos rebeldes. Só queremos trabalhar com eles e assegurar que façam a coisa certa."

Assim sendo, já todos enfrentam a possibilidade real de que Paris e Londres simplesmente ignorem mais uma política da União Europeia - da qual os dois países são signatários - e metam-se a fazer "a coisa certa" lá a seu modo e jubilosamente comecem a armar os 'rebeldes' sírios, incluídos aí os jihadistas salafistas de estilo al-Qaeda, já a partir de maio ou junho. Foi precisamente o que Paris e Londres fizeram no caso da Líbia em 2011. E foi precisamente o que François "Tempestade no Deserto" Hollande - apoiado por David "das Arábias" Cameron - fizeram recentemente também no Mali.

Para David & François, o resto da União Europeia não passa de bando de mariquinhas. Crise? Que Crise? Crise é para os fracos. Muito mais divertido é brincar de "o Libertador".

[1] "Monstro da guerra". Sobre a expressão, ver http://pt.wikipedia.org/wiki/Behemoth.

Traduzido por Vila Vudu



  Mais notícias da seção Geral no caderno OPINIÃO
17/09/2014 - Geral - MARINA SILVA E A TEORIA DA CONSPIRAÇÃO - Fausto Brignol
"E no dia 13 de agosto morre Eduardo Campos, em provável acidente de aviação. Ele tinha 49 anos e 4+9 = 13. Até agora não se sabe a causa da queda do avião e alguns afirmam que ele estava em chamas no momento da arremetida. A caixa preta foi encontrada, mas, estranhamente, não tinha gravado nada. A Teoria da Conspiração afirma que a morte de Eduard...
17/09/2014 - Geral - AddThis Social Bookmark Button A ALIANÇA ENTRE ISRAEL E O FUNDAMENTALISMO RELIGIOSO ATRASADO E FASCISTA DO BRASIL ESTÁ MAIS FIRME QUE NUNCA!
"A Igreja Universal do Reino de Deus sempre gostou dos mármores, dos dourados, da grandiosidade do espetáculo. Quando plantou sua imensa catedral no depauperado bairro de Santo Amaro, distrito destroçado pela recessão e desindustrialização dos anos 1990, assentou um modelo monumental, rico, suntuoso e ostentatório de arquitetura e decoração religio...
09/04/2014 - Geral - PARA QUE PRECISAMOS DOS ESTADOS UNIDOS? - Fiódor Lukianov, cientista político
"Os políticos ocidentais compreendem que a Rússia decidiu, pela primeira vez, agir como achou necessário, sem deixar espaço para compromissos com a Europa e os Estados Unidos. O que se passa é que a questão da Ucrânia é de tal modo relevante que Moscou não está para reverências. No Ocidente, se desacostumaram com isso e tentam agora fazer a Rússia ...
09/04/2014 - Geral - PEGA LADRÃO! - Aleksander Medvedovsky
"Notícias não verdadeiras publicadas na mídia ocidental sobre a questão ucraniana, de tanto serem repetidas, tornam-se "verídicas", e transformam-se em "fatos" sobre os quais se forma a opinião " de boa ou má-fé, e inteiramente afastada da realidade ", que a imprensa brasileira passa ao seu público. Assim, os editoriais alarmistas nos grandes jorna...
24/01/2014 - Geral - DE RAMBOUILLET A MONTREUX: O CINISMO DA ONU
A Conferência de Montreux, na Suíça, para tratar da paz na Síria é outra das grandes mentiras da ONU, uma organização que cada vez mais perde a credibilidade, agindo como uma velha e rica prostituta que compra um título de nobreza para adquirir respeitabilidade. A ONU foi criada para defender os interesses dos Estados Unidos e dos países vencedores...
19/01/2014 - Geral - Mandela morreu. Por que ocultar a verdade sobre o apartheid? - Fidel Castro
"As revoluções sociais abalavam os alicerces da velha ordem. Os povoadores do planeta, em 1960, atingiam já os três bilhões de habitantes. Analogamente cresceu o poder das grandes empresas multinacionais, quase todas nas mãos dos Estados Unidos, cuja moeda, apoiada no monopólio do ouro e na indústria intata pela distância dos fronts de batalha, apr...
03/01/2014 - Geral - PRISIONEIROS DE EXCEÇÃO
Agora estão na cadeia e dizem que isso é devido a um julgamento de exceção; consideram-se presos políticos. Na verdade, são políticos presos. Políticos que ajudaram a fundar o PT, que tem como missão principal destruir os movimentos de esquerda no Brasil, aliar-se ao império norte-americano e promover o modelo neoliberal com laivos de assistenciali...
16/07/2013 - Geral - HIPÓCRATES E OS HIPÓCRITAS - Rodolpho Motta Lima
Tudo isso vale ser discutido, mas sem hipocrisia. Se uma comunidade não tem sequer um médico, é melhor que tenha pelo menos um... E que, com ele, venham também os suportes, que, aliás, o Governo admite suprir com o programa proposto. O que não se pode é conviver com a precariedade atual, questionada nas ruas do país. Outra alegação hipócrita tem a...
23/05/2013 - Geral - DE ONDE VEM AS ARMAS QUE DISPARAM NA SÍRIA? - DMITRI BABICH
Resta saber, contudo, como o auxílio prestado aos fanáticos sunitas e aos terroristas, que ostentam o canibalismo perante as câmaras, combina na Europa e nos EUA com as conversas sobre os direitos do homem e a democracia. De notar que tais incongruências se iniciaram ainda no período em que a OTAN apoiava os extremistas islâmicos no Kosovo. O Figar...
10/05/2013 - Geral - DA GEOPOLÍTICA DO PETRÓLEO PARA A DO GÁS - Imad Fawzi Shueibi
A revelação do segredo do gás sírio dá uma idéia da importância do que está realmente em jogo. Quem tenha o controle da Síria poderá controlar o Médio Oriente. E a partir da Síria, portão da Ásia, terá em suas mãos a chave da Rússia e, também, da China, através da "Rota da Seda", assim você poderá dominar o mundo neste século, já que é o século do...
11/04/2013 - Geral - EUROPA JÁ CONFISCA POUPANÇAS - por Hugo R C Souza
Desta forma, os "ajustes" fiscais, arrochos salariais, supressão de direitos trabalhistas do dia para a noite, privatizações levadas a cabo às pressas, enfim, toda a gama de medidas antipovo e pró-capital levadas às últimas consequências têm sido implementadas no seio da Europa afundada na chamada "crise da dívida pública", não obstante a altiva e ...
11/04/2013 - Geral - OBAMA QUER DESTRUIR A CORÉIA DO NORTE - Gregory Elich
Curiosamente, no mesmo dia em que a Coreia do Norte lançou o seu satélite para o espaço, a Índia, outra potência nuclear, testou o disparo de um míssil balístico sem que responsáveis americanos expressassem uma queixa. [7] Os Estados Unidos não estão faltos de engenheiros aeroespaciais e responsáveis dos EUA certamente estavam consciente de que o l...
18/07/2012 - Geral - OS MENSALÕES
Acostumamo-nos com a mentira e com a corrupção e delas rimos, porque as lágrimas já secaram, devido à inevitável raiva que ruboriza os mais crédulos e crentes nos carinhos do Estado. Estamos cada vez mais acostumados com o "dar em nada" das CPIs, com os julgamentos vazios de corruptos que se tornam famosos pela sua qualidade de corromper a todos " ...
02/11/2011 - Geral - ACAMPA SAMPA/OCUPA SAMPA - Marcio Moretto Ribeiro
"Algumas vezes somos confundidos com movimentos direitistas contra a corrupção. Evidentemente que somos contra corrupção, mas esse tema nem surge em nossos manifestos ou meios de divulgação. Quando gritamos "Não nos representam!" não é que um ou outro político não nos representa, mas que o sistema político não é capaz de nos representar. Soma-se a ...
11/08/2011 - Geral - A LIMPEZA DE DILMA E O QUE SE ESCONDE SOB O TAPETE - Elaine Tavares
"Passado um semestre do governo da nova presidenta, seguimos vendo a mídia fazer seu papel "neutral". Diante da crise de corrupção generalizada dentro do governo, lá estão os âncoras das grandes redes a louvar a capacidade de "faxina" de Dilma Roussef. A mulher não tem medo de assumir seu posto de mando e está conseguindo garantir a ética e a retid...
30/03/2011 - Geral - DEVERIAM SER PRESOS
"O que significa um manifesto como este, justamente quando o povo começa a acreditar que vive em uma democracia? Que as Forças Armadas prosseguem no seu processo de elitização; que o governo é apenas um apêndice, uma excrescência a ser tolerada, desde que se comporte bem e continue obedecendo as suas ordens; que os militares nada temem e que poderã...
20/02/2011 - Geral - POLÍTICA DE DESVALORIZAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO
Em 2007, Lula e as Centrais Sindicais (CUT, Força Sindical, UGT, CGT etc.) fecharam um acordo para o reajuste do salário mínimo para aquele ano e os posteriores. O acordo prevê que o reajuste anual do salário mínimo a partir daquele momento seria a soma do índice da inflação do ano anterior mais a variação do PIB (Produto Interno Bruto) dos dois an...
27/11/2010 - Geral - TRÁFICO É PRETEXTO PARA INTERVENÇÃO MILITAR
É com esse argumento que a polícia sistematicamente provoca inúmeros massacres nas favelas, realizando "operações" nas quais o alvo é qualquer um que esteja no caminho e que frequentemente acabam com uma enorme quantidade de mortos entre os trabalhadores que vivem ali. Até porque não há a intenção de acabar com o tráfico, mas apenas de controlar os...
26/11/2010 - Geral - DESRATIZAÇÃO NO RIO DE JANEIRO
"É claro que a preocupação das autoridades não é com o vício. Este é um país de viciados. Os que não fumam, bebem; os que não bebem, cheiram. E há os que fazem tudo isso. Esta não é a questão. Os viciados continuarão fumando, bebendo e cheirando. E se matando a seu bel-prazer. O que está incluso na invasão das favelas do Rio é a disputa por territó...
17/11/2010 - Geral - GUERRA CAMBIAL EXPÕE MAIS UM CAPÍTULO DA CRISE ECONÔMICA - Diego Cruz
"Isso acontece porque o Brasil virou rota preferencial dos especuladores internacionais, atraídos por uma das maiores taxas de juros do mundo. O especulador toma dinheiro emprestado lá fora e investe aqui, com uma rentabilidade de 100% ao ano sem ao menos se mexer. Depois da África do Sul e da Austrália, o Brasil é o país preferido pelos especulado...
16/11/2010 - Geral - COBAIAS E RATOS - Raul Fitipaldi
"De fato, os veículos de incomunicação aliados à Sociedade Interamericana de Imprensa não repercutiram as ações criminosas dos EUA, nem a dos anos 50 nem a atual. Para as oligarquias detentoras dos monopólios de comunicação e somos apenas mão de obra barata e consumidores, no melhor dos casos. Se não atingimos esse patamar, é razoável que o "venerá...
11/11/2010 - Geral - SOBRE A MORTE DE NÉSTOR KIRCHNER
"A repentina morte de Néstor Kirchner provocou uma ampla demonstração de dor por parte de setores operários e populares que identificam o ex-presidente com a redução do desemprego e com uma série de medidas como os novos julgamentos ou a abolição das leis de perdão aos militares genocidas, a re-nacionalização da empresa aérea Aerolíneas, da AFJP (f...
05/11/2010 - Geral - A FESTA DOS IGUAIS
"(...)Mas os dois compartilham os mesmo segredos, dormem no mesmo quarto e amam a mesma mulher, que se chama Burguesia. Há uma rivalidade natural, o que é apenas coisa de irmãos. Agora que o PT garantiu a sua continuidade no poder, com a vitória de Dilma e maioria de sua coligação no Congresso, o PSDB está reclamando a sua parte em altos brados. Ob...
05/11/2010 - Geral - OS NORDESTINOS SÃO UMA RAÇA?
"Agora mesmo, a Dilma está prometendo mundos e fundos para o Nordeste. É dando que se recebe; uma mão lava a outra. E ele, o povo pobre e ignorante, acredita. Pensa que emprego e vida melhor cai do Céu por ordem do ou da Presidente. Ou porque o padre Cícero vai ajudar. Acostumaram-se com isso. Com essa atitude passiva, crente, sempre esperando ajud...
05/11/2010 - Geral - DILMA GANHOU. QUEM GANHA COM ISSO? - Eduardo Almeida
Dilma foi a candidata de um grande setor da burguesia que cresceu muito no governo Lula e aprendeu a fazer bons negócios com o PT. São os bancos beneficiários das maiores taxas de juro de todo o mundo, a construção civil beneficiária das obras do PAC e do "Minha Casa , Minha Vida", grandes empresas que recebem financiamentos do BNDES. Isso inclui u...
13/10/2010 - Geral - NÃO HÁ ESTADO DE DIREITO PARA A CLASSE OPERÁRIA - Rui Costa Pimenta
"Sem direito de greve e sem direito de organização sindical, a classe operária está impedida de se defender, mesmo nos estreitos limites que a sociedade capitalista impõe, do aumento ilimitado da exploração patronal. Sem esses direitos elementares, que materializam a força coletiva dos trabalhadores contra os patrões e contra o Estado patronal, os ...
27/09/2010 - Geral - CENAS DA FARSA ELEITORAL - Fausto Arruda*
"Ora, se no atacado há uma extrema convergência, fica então uma margem muito estreita para a diferenciação entre as propostas, ou seja, a fala de cada um tem sempre que afirmar, direta ou subliminarmente, o compromisso com o imperialismo, com a grande burguesia e com o latifúndio de velho e novo tipo. Resta, então, buscar esta diferenciação no vare...
15/08/2010 - Geral - CURSO DE FORMAÇÃO POLÍTICA EM MOÇAMBIQUE - Boaventura Monjane (Via Campesina, África)
"Inspirados no lema "Educar o homem para vencer a guerra e criar uma nova sociedade", os participantes desse curso pretendem, através dessa formação. "romper as fronteiras tradicionais que impossibilitam o intercâmbio dos seus conhecimentos, assim como de suas sementes, coisa que atualmente é dominada pelas transnacionais", explica Maria Gorete, um...



Capa |  CULTURA  |  HISTÓRIA  |  OPINIÃO  |  TOQUES
Busca em

  
642 Notícias